By Samandra

San Francisco: Golden Gate Bridge

11 Jul 2017

Oh, you have no idea how much I have been waiting and planning for this trip to San Francisco! Seriously, for three times I had the idea that I would be going to SF but it ended up not happening. First, I decided to go to Havasupai instead as it was a one-time opportunity, and I couldn’t miss it. Second and third, I would jump on my friend’s plan but the trips ended up not happening.

I had to go to the Brazilian Consulate to renew my passport so I decided to go to the one in San Francisco so I could get this done, and then have some days doing fun things in the city. I invited friends to come with me, but one said that I should go to Los Angeles instead so she would be able to see her grandma.  Another one said that she wanted to go to San Diego instead, and the last one said that she wanted to save money. That’s when I realized that I would have to go on this trip by myself.

Oh, vocês não tem ideia do quanto eu estava esperando e planejando para essa viagem para São Francisco! Sério, por três vezes eu pensei que eu iria para SF mas acabou não acontecendo. Primeiro, eu decidi de ir para Havasupai em vez de SF já que seria uma oportunidade única na vida e não poderia perder. Segundo e terceiro, eu iria com alguns amigos mas as viagens acabaram não acontecendo.

Eu tinha mesmo que ir no consulado brasileiro para renovar meu passaporte, e então eu decidi de ir no de São Francisco já que eu poderia resolver isso, e também aproveitar um pouquinho da cidade. Convidei umas amigas para virem comigo, mas uma disse que se fosse pra California ela teria que ir pra Los Angeles assim ela poderia ver a avó dela. A outra disse que queria ir pra San Diego, e a outra disse que queria economizar dinheiro. Então percebi que eu teria que ir nessa viagem sozinha.

I was a little scared at first of going by myself because it’s been almost three years since my last solo trip! Also, after I have been living in Utah — which is the most social place on earth, where people feel that they can’t do anything by themselves — I thought it would be boring a solo trip. Silly me for thinking that!

Long story short, I hung out with some girls that I met on the internets and it was so cool! This taught me that if you want to go somewhere and your friends can’t come with you, GO anyways! Do whatever your heart tells you to do and don’t be afraid! It’s so fun meeting new people!!

Eu tava com um pouco de medo de ir sozinha pois já fazem quase três anos desde a minha última viagem sozinha! Também, depois de algum tempo morando aqui em Utah — que é o lugar mais social do planeta, onde as pessoas não conseguem fazer nada por conta própria — eu achei que seria chato uma viagem sozinha. Boba eu de ter pensado isso!

Resumindo, eu saí com algumas meninas que eu conheci nas internets e foi legal demais! Isso me ensinou que se seus amigos não podem ir com você numa viagem, VÁ mesmo assim! Faça o que seu coração dizer e não tenha medo! É muito legal conhecer pessoas novas!!

I had planned with Tiessy (who is also a photographer!) to go to the Golden Gate Bridge, and she was going to pick me up. She got a heavy traffic on the way so I decided to get a bus to meet her at the bridge. I was waiting for the bus for a long time so Tiessy decided to pick me up again as she was getting closer. We got late at the bridge and we had about 20 min of good light to take pictures. She is an amazing photographer, and even though we had low light, the pictures turned out good and I could fix the colors while editing.

Eu tinha planejado com Tiessy (que também é fotógrafa!) para ir na Golden Gate. Ela ia me pegar onde eu estava, e como ela pegou um trânsito danado, eu decidi pegar um ônibus para encontrar com ela na ponte mesmo. Fiquei esperando pelo ônibus uma eternidade, e acabou que Tiessy disse que ia me pegar de novo, já que ela estava chegando perto. A gente chegou bem tarde na ponte, e tivemos cerca de 20 min com luz boa para tirar fotos. Ela é uma ótima fotógrafa, e mesmo com a luz ruim as fotos ficaram ótimas, e consegui concertar as cores na edição.

Jeans: GAP / Shirt: Banana Republic

Lessons learned:

  1. It’s San Francisco, so prepare to have traffic. Tiessy couldn’t leave earlier because she was working, so the smartest thing I should have done it would be for me to leave earlier and have met her on the bridge.
  2. Take pictures in RAW format. I’m so glad we did it because I was able to recover the colors while editing. Something that wouldn’t happen if we were shooting in jpg. See the before and after here. :)
  3. Enjoy the moment! Take all the pictures you want but make sure to leave have enough time just to appreciate the view and to feel everything that you are living.

Coisas que aprendi:

  1. É São Francisco, então se prepare para ter trânsito. Tiessy não podia sair antes já que ela estava trabalhando, mas a coisa mais inteligente que eu deveria ter feito, seria de eu ter saído antes e encontrado ela lá na ponte. 
  2. Tire fotos em formato RAW. Sério, isso foi o que salvou nossas fotos já que não tínhamos muita luz, e assim pude recuperar as cores na edição. Algo que não teria acontecido se tívessemos tirado em jpg. Veja aqui o antes e depois. :)
  3. Aprecie o momento! Tire todas as fotos que quer, mas faça questão de deixar tempo o suficiente para apreciar a vista e sentir tudo o que está vivendo.

Pictures by Samandra Vieira and Tiessy Ribeiro.

RELATED POSTS:

4th of July in Provo/UT

05 Jul 2017

The annual Provo Freedom Festival brings a lot of events to celebrate the independence, such as the Balloon Fest, Stadium of Fire, and Grand Parade. These photos were taken two years ago when I went to see the balloons and the 4th of July parade. As I have decided that I wanted to post about things that I haven’t posted so far, I thought this was the right time to do it. :)

*  This year I went hiking at the Bridal Veils Falls here in Provo with my friends, and later I went to SLC to meet a dear friend and his family as they were visiting from Arizona. It was a busy and fun day!! *

Aqui nos Estados Unidos eles celebram o dia da indepedência com grande estilo. É provavelmente uma das maiores celebrações aqui, até mais que ano novo… Na cidade onde moro eles tem o evento chamado Provo Freedom Festival que tem o festival de balões, show no estádio da BYU (faculdade onde estudo), o desfile como acontece no Brasil, e sempre fogos de artifícios. Essas fotos são de dois anos atrás quando eu fui ver os balões e o desfile de 4 de Julho, e como tinha decidido postar sobre coisas que ainda não tinha postado, achei que essa seria a hora perfeita pra isso. :)

*  Nesse ano eu fui fazer uma trilha aqui em Provo no Bridal Veils Falls com meus amigos, e depois eu fui pra Salt Lake para encontrar um amigo querido e a família dele já que eles estavam visitando do Arizona. Foi um dia cheio de coisas boas!! *

We woke up at 6 am to take pictures of the Balloon Fest, and my friend wanted to kill me, haha. The weather wasn’t good that day, so the balloons couldn’t be released. So sad. Being the first time that I had seen balloons, I wish I could have seen them flying, but it was still cool just seeing them on the ground.

A gente acordou as 6 da manhã para tirar fotos do festival de balões, e minha amiga queria me matar, haha. O dia estava nublado e por isso eles não puderam soltar os balões. Sendo a primeira vez que eu tinha visto balões eu queria muito ter visto eles no céu, mas foi legal mesmo assim de ver eles no chão.

We also celebrate the independence with parades in Brazil, and it has been always one of my favorite things! I loved to see things such as the pioneers, and the LDS missionaries in the Provo parade (Provo has one of the missionary training centers of the LDS Church, so it makes sense for them to show up). So fun!

Assim como no Brasil, eles também tem desfiles. E lembro de ser uma das minhas coisas favoritas sobre o 7 de setembro! Adorei de ver aqui coisas como os pioneiros com carrinhos de mão, e os missionários da Igreja SUD no desfile em Provo (Provo tem um dos centros de treinamento missionários da igreja, e então faz sentido de eles fazerem parte do desfile). Amo isso!

Happy 4th of July friends!

RELATED POSTS:

Buffalo Peak Wildflowers

30 Jun 2017

Yesterday my friend Laura and I drove to this beautiful place, which is about 30 minutes from home. How blessed are we for having these hidden gems so close to us?!

The last two miles to get there is a dirt road, with lots of rocks and holes, and it made me think of this quote “Difficult roads often lead to beautiful destinations.” Amen to that! ;)

Ontem minha amiga Laura e eu dirigimos para esse lugar lindo, que fica uns 30 minutos de casa. Me sinto abençoada por ter esses lugares lindos tão perto!

Os últimos três quilômetros foram estrada de chão, com um monte de pedras e buracos, e isso me fez pensar daquela frase “Estradas difíceis levam à destinos bonitos.” Amém pra isso! ;)

Three important things:

  1. I used to post everything in my blog Kandis Design, but I decided to create this new blog (new but old, as I kept old posts here) where I could post more of my travels, stories, and inspirations. So head to the Kandis Design blog if you want to see posts about my bookbinding brand.
  2. I have so much to catch up with all I have done in these past years, and now with this space I feel that I don’t have to worry anymore about over-sharing of myself. So know that you’re are going to see A LOT of what I have done, what I think, and what I like. I’m excited to share these things with you!
  3. I will be starting a YouTube Channel soon! Yesterday my friend Laura made some clips which I will be putting together to make a welcome video. :) I want to share what I know, what I think, and my adventures in that channel. Is there anything that you would like me to share?

Três coisas importantes:

  1. Antes eu postava tudo no meu blog Kandis Design, mas decidi criar esse novo blog (novo mas velho, já que mantive as postagens antigas aqui) para postar mais das minhas viagens, bate papo, e inspirações. Então vá para o blog Kandis Design se você quiser ver as postagens da minha marca de encadernação.
  2. Tenho tanto ainda para postar sobre o que fiz nesses últimos anos, e agora com esse espaço eu sinto que não preciso mais me preocupar em estar compartilhando demais sobre mim. Então saiba que vou compartilhar UM MONTE do que tenho feito, o que penso, e o que gosto. Estou animada por isso!
  3. Tenho recebido tantas perguntas nesses últimos anos sobre como é morar aqui, o que faço, como consegui estudar numa universidade aqui, e tantas outras coisas que decidi que a melhor forma de responder a tudo isso seria falando! Então estarei criando um canal no YouTube em breve para responder à tudo isso, e também compartilhar o que sei sobre outras coisas, o que gosto, e minhas viagens. Me deixe um comentário aqui com o que você gostaria que eu compartilhasse no canal, ok?

Dress: Ross / Curling Wand: Nume 32mm

Photos taken by Samandra Vieira and Laura Walton.

RELATED POSTS:

It’s Still Winter + Life Update

26 Feb 2017

It’s still Winter, but I wish it was Spring already. These past weeks were sunny here in Provo that made me think that Winter was over already, but no.

Ainda é inverno, mas queria que já fosse primavera. Essas últimas semanas foram ensolaradas aqui em Provo que me fez pensar que o inverno já tinha acabado, mas não.

This orchard is just 10 min away from home but I just had time to have my pictures taken there yesterday. So I’m glad it snowed again because it looks amazing with the snow!

Esse pomar fica apenas 10 min de distância de casa, mas só tive tempo de ter minhas fotos tiradas lá ontem. Então até que foi bom que nevou porque esse lugar é lindo demais com neve!

It’s going to be two months since I’ve started at BYU in just a few days. Time flies! BYU has been keeping me busy with daily homework and studying for tests. I had my first midterms two weeks ago and it was an interesting experience going through it. I got sick on the test’s week and it wasn’t fun. On the test day, I was feeling so bad that made me think that I wouldn’t be able to do it, but I end up doing well and got good grades. Hooray!

Já vai fazer dois meses desde que comecei na BYU em apenas alguns dias. O tempo voa! Tenho tido bem ocupada por causa da BYU. Tenho um monte de tarefa todos os dias, e me preparando para as provas. Eu tive minhas primeiras provas duas semanas atrás e foi uma experiência interessante. Eu fiquei doente na semana do teste e não foi legal. Talvez tenha sido porque fiquei ansiosa com as provas vindo. Sei lá. No dia do teste eu estava me sentindo horrível e achei que não ia conseguir fazer a prova. Mas no fim tudo deu certo e consegui tirar boas notas. Oba!!

I’m taking a marketing class this semester that has been helping me a lot already to apply the things I’ve learned to my businesses. I also thought that I could share the things I’ve learned with you guys so you can apply in your own business as well. I thought about doing blog posts or maybe Youtube videos about it. What do you think?

Estou fazendo uma aula de marketing nesse semestre que já está me ajudando um monte para aplicar essas coisas para os meus negoócios. Eu pensei que eu poderia compartilhar com vocês as coisas que estou aprendendo e assim ajudar vocês também com seus negócios. Pensei em fazer postagens no blog, ou talvez vídeos no Youtube. O que acham?

Pants: GAP | Sweater: Banana Republic | Hair: NuMe 35mm Curling Wand

Big thanks to my friend Gabriela Pedroso for taking these pictures to me. <3

Um obrigadão pra minha amiga Gabriela Pedroso por tirar essas fotos pra mim. <3

RELATED POSTS:

First Day of School at BYU

09 Jan 2017

Okay, it’s been probably over six months that I haven’t posted here and I give up about making promises about keeping this blog updated. Lots of things had happened this past year and the most important thing is that I got accepted to the Brigham Young University (BYU)! I was in this process since the beginning of the year, studying for the TOEFL test, took the test in March, applied that month to LDSBC, BYU-Idaho, and the one that I wanted most, BYU Provo. In October I received the decision and I literally cried for an hour of happiness. It’s been twelve years since I decided that I wanted to go to BYU, but I honestly wasn’t sure that this would happen to me. Life turned around, things changed, I end up coming to the USA, and now after almost four years that I’ve been living here this is happening and today is my first day of school!

Okay, já fazem provavelmente seis meses que eu não tenho postado aqui e eu desisto de fazer promessas sobre manter esse blog atualizado. Muita coisa aconteceu nesse ano que passou e o mais importante é que eu fui aceita na Universidade Brigham Young (BYU)! Estava nesse processo desde o começo do ano, estudando para o TOEFL, fiz o teste em março, apliquei para a LDSBC, BYU-Idaho, e a que eu queria mais, BYU Provo. Em outubro eu recebi a decisão e eu literalmente chorei por uma hora de felicidade. São doze anos desde que decidi que queria estudar na BYU, mas honestamente eu não achava que isso aconteceria um dia. A vida deu voltas, muitas coisas mudaram, e eu acabei vindo morar nos EUA, e agora depois de quase quatro anos morando aqui hoje está acontecendo e hoje é meu primeiro dia de aula!

I had a lot of mixed feelings these past months, of happiness, excitement, fear, but I know that this is happening for a reason and after all God is with me and everything will work out at the end.

Eu tive muitos sentimentos misturados nesses últimos meses, de animação, felicidade, medo, mas eu sei que isso está acontecendo por um motivo e sei que Deus está comigo e que tudo vai dar certo no final.

Saturday was the orientation day and I was at the university from 8 am to 6 pm getting to know more about the university and taking tours at the campus. I love it all so much already! It made me cry to hear the BYU’s story and all the sacrifices that were made for us to have this amazing university today. I feel so grateful to have the opportunity to study in a very selective and one of the best universities in the USA, and being an LDS studying at BYU will help me to grow so much in not only the academic knowledge but also spiritual.

Sábado foi dia de orientação onde eles mostram o campus e fazem atividades para ajudar os alunos a fazerem amizades, e eu estava na BYU das 8h até às 18h. Eu amo tudo isso muito já! Eu chorei quando eu ouvi a história da BYU e todos os sacríficios que foram feitos para ter essa maravilhosa universidade que é hoje. Me sinto muito grata de ter a oportunidade de ter sido aceita numa universidade bem seletiva e uma das melhores dos EUA, e sendo SUD estudar na BYU vai me ajudar a crescer muito não somente na parte academica mas também na espiritual.

Pants: Forever 21 | Sweater: Banana Republic | Backpack: Herschel

Pics thanks to my friend Gabriela Pedroso. She is just the best! Thank you for reading this!

Um obrigada pela fotos para minha amiga Gabriela Pedroso. Ela é demais! E obrigada você por passar por aqui!

RELATED POSTS:

Fourth of July in Washington D.C.

06 Jul 2016

© Samandra Photography

Even though I wish I had spent this past Fourth of July in Washington D.C. it didn’t happen, I watched the fireworks this year at the Thanksgiving Point in Utah. These pictures were taken two years ago while I was living in Virginia, and as I haven’t posted them yet I thought it would be a great opportunity to post it as we are still feeling the holiday.

Spending the Fourth of July in D.C. is with no doubt one of those cool experiences that you have to put in your budget list.

Mesmo que eu queria muito ter passado o feriado de Fourth of July (Dia da Independência) em Washington D.C. isso não aconteceu, eu assisti os fogos este ano no Thanksgiving Point em Utah. Essas fotos foram tiradas dois anos atrás quando eu morava na Virginia, e como ainda não tinha postado essas fotos eu achei que agora seria uma ótima oportunidade já que o feriado foi a dois dias atrás.

Passar o feriado de Fourth of July em D.C. é sem dúvida uma daquelas experiências super legais que você deve colocar na sua lista.

© Samandra Photography

© Samandra Photography

There is anything more patriotic than to spend the Independence Day at the heart of the country. The parade is pretty cool, with the military, army, navy and so on. There are so many events celebrating the Independence that’s something to spend the whole day there, watching the parade, visiting the Arlington Cemetery, watching the ceremonies… The list is huge!

Não tem nada mais patriótico do que passar o dia da Independência no coração do país. O desfile é bem legal, com os militares, forças armadas, marinha e assim vai. Tem tantos eventos celebrando a Independência que é algo para passar o dia todo lá, assistindo o desfile, visitando o Cemitério em Arlington (onde estão muitos que lutaram nas guerras), assistindo as cerimônias… A lista é grande!

© Samandra Photography

© Samandra Photography

They have one of the largest event for the Fourth of July. The National Mall is gigantic and there is place for thousands of people. We sat below the stairs at the Lincoln Memorial so we had the pool that reflect the fireworks in the water. The fireworks show lasted about 20 minutes and it was incredible beautiful.

Eles tem um dos maiores eventos para o Fourth of July. O National Mall é enorme e tem lugar para milhares de pessoas. A gente sentou perto da escadaria do Lincoln Memorial e então a gente teve essa vista da piscina que refletiu os fogos na água. O show de fogos durou cerca de 20 minutes e foi incrivelmente bonito.

 

© Samandra Photography

© Samandra Photography

One of the coolest thing about celebrating this holiday in D.C. is that there are people from everywhere in the world. It’s neat to see people from other countries celebrating the independence of a country they don’t belong to. I think that’s a way to create bonds and respect. At that day I celebrated with friends from different countries, my bestie being from Spain, a friend from Russia, and the other being American.

Uma das coisas mais legais sobre celebrar esse feriado em D.C. é que tem gente de todo lugar do mundo. É interessante de ver pessoas de outros países celebrando a independência de um país que eles não pertecem. Acho que isso é uma forma de criar laços e respeito. Nesse dia eu passei com amigos de diferentes países, minha melhor amiga sendo da Espanha, uma amiga da Russia, e um outro que era americano. 

© Samandra Photography

© Samandra Photography

I got the chance to have this picture below included in this National Geographic’s documentary about the National Mall. The program was aired in April 2015, and now they have it as DVD. So I can tell you that this experience at the Fourth of July in D.C. will be always something special to me.

Eu tive a chance de ter essa foto abaixo incluída nesse documentário no National Geographic sobre o National Mall. O programa foi ao ar em Abril de 2015 e agora eles tem em DVD. Então posso dizer que essa experiência do Fourth of July em D.C. será para sempre especial para mim.

© Samandra Photography

Tips & Info:

  • Get there early: It gets crowded fast and if you want a good spot that’s something you should do.
  • Bring a blanket: It will help you to mark your space and also keep your clothes clean.
  • Alcoholic beverages are not accepted.
  • If you will bring your DSLR, bring also a tripod. This way you will prevent of having blurry pictures (I forgot to bring mine).
  • It’s free!

Dicas & Info:

  • Chegue lá cedo: Tudo começa a lotar rápido e se você quiser um lugar bom isso é algo que você deve fazer.
  • Traga um cobertor: Aqui americanos adoram colocar cobertor no chão onde quer que vão. É bom pra marcar o seu lugar e não sujar as roupas.
  • Bebidas alcoólicas não são permitidas.
  • Se você trazer sua câmera, traga também um tripé. Assim você vai conseguir fotos nítidas (eu esqueci de trazer o meu).
  • É grátis!
RELATED POSTS: